TATUAPÉ – Pedestre corre risco de morte

TATUAPÉ – Pedestre corre risco de morte

Pedestres se arriscam na travessia da Rua Cesário Galeno, esquina com a Avenida Celso Garcia, no Tatuapé. O local é um dos pontos de passagem dos trólebus Terminal Carrão, Terminal São Mateus, entre outras linhas de ônibus. Como um dos poucos acessos para a Avenida Conselheiro Carrão, a esquina também recebe carros de passeio, caminhões e motos. Por conta disso, apesar de ter uma faixa de pedestres, o lugar torna-se perigoso, principalmente para idosos, crianças e pessoas com mobilidade reduzida.

MORTE
Após a morte de mais um pedestre no fim do ano passado, moradores e até motoristas que passam pelo lugar voltaram a levantar a questão do posicionamento da sinalização horizontal e da falta de fiscalização. “As pessoas acima dos 60 anos às vezes atravessam mais lentamente, no entanto, os veículos não esperam pela travessia. Apesar disso, nunca há técnicos da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) na esquina para multar quem não respeita a faixa de pedestres”, ressaltou Elaine Cristina.

MUDAR A FAIXA
A presidente do Conseg do Parque São Jorge, Isabel Secco Dias, mais de uma vez alertou a própria CET para o perigo do local. “A Companhia poderia estudar a possibilidade de implantar a faixa pelo menos 20 metros distantes da esquina para proteger as pessoas. Como não há semáforo para pedestres e o trecho exige destreza de quem atravessa, os acidentes acabam vitimando os mais velhos e crianças”, avisou Isabel.

SEM PLACAS
Outro problema apontado pelos moradores está relacionado à falta de placas pedindo mais atenção na hora da travessia, pois muitos pedestres estão de costas quando os veículos fazem a curva na Rua Cesário Galeno. Sem contar o fato de alguns motociclistas que ultrapassam os ônibus durante a curva e surpreendem as pessoas que estão quase do outro lado da rua. “Algo precisa ser feito, pois a posição daquela faixa não favorece quem gosta de caminhar”, reclamou a estudante Cintia Ferreira.

O OUTRO LADO
Segundo a assessoria de imprensa da CET, o projeto de sinalização horizontal (faixa de pedestre) implantado no cruzamento da Avenida Celso Garcia com a Rua Cesário Galeno, encontra-se em bom estado para orientação e deslocamento de pedestres.

No entanto, a proposta de mudança sugerida pelos moradores da região será objeto de estudo dos técnicos da Companhia, para verificar se a adoção da mesma poderá melhorar as condições de segurança e fluidez no trânsito local.

Com relação à segurança dos pedestres por parte dos motoristas, o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), em seu artigo 38, prevê que antes de entrar à direita ou à esquerda, em outra via ou em lotes lindeiros, o condutor deverá “ceder passagem aos pedestres e ciclistas, e aos veículos que transitem em sentido contrário pela pista da via da qual vai sair, respeitadas as normas de preferência de passagem”.

Deixe um comentário

*