Comércio fica fora da lei na Pça. Silvio Romero

Comércio fica fora da lei na Pça. Silvio Romero

Dogueiros que tinham o TPU e novos ambulantes esperam pela subprefeitura há um ano e meio  

Moradores do Tatuapé continuam esperando que a Subprefeitura Mooca faça uma intervenção de fiscalização na Praça Silvio Romero. O órgão havia se comprometido, há um ano e meio, a verificar a situação dos dogueiros que já possuíam os antigos Termos de Permissão de Uso (TPUs) e também os comerciantes motorizados sem autorização.

Atualmente, segundo moradores próximos, pessoas que não ficam na praça estariam empresariando pelo menos sete carros de venda de alimentos. Existe, ainda, a informação de que há ambulantes comercializando seus pontos por até R$ 50 mil. Por conta da “liberdade” oferecida pela subprefeitura, a Silvio Romero tem uma nova barraca de frutas, venda de churrasquinho e locação de espaço para instalação de brinquedos. Durante a semana, ainda, frequentadores de eventos ligados à Igreja Nossa Senhora da Conceição estacionam seus carros sobre a praça, o que é proibido.

Além dos novos problemas, que se acumularam, o lugar continua sendo ocupado de maneira irresponsável por alguns comerciantes. Para atenderem “melhor” seus clientes, eles espalham mesas e cadeiras pelo espaço público, independente da quantidade de pedestres que esteja transitando pelas alamedas. Enquanto isso, “desavisados” sentem-se no direito de vender não só cachorro quente, mas equipamentos para narguilé, entre outros produtos. Outra crítica se dá à falta de armazenamento do lixo de maneira adequada. Em muitos momentos, os resíduos amanhecem empilhados na praça, atraindo baratas, moscas e ratos.

COMO FUNCIONA

Para atuar no local é preciso ter o Termo de Permissão de Uso (TPU), emitido pela Subprefeitura Mooca e Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente, e a autorização da Vigilância Sanitária, após a passagem por um curso de manipulação de alimentos, oferecido pela própria Prefeitura. Além de seguir todas as normas estabelecidas, os ambulantes motorizados ficam obrigados a vender hot-dog exclusivamente, sendo proibida a comercialização de outros tipos de lanches, bem como pastéis, salvo autorização para feiras em dias e horários específicos estabelecidos pela subprefeitura. Ambulantes, motorizados ou não, que quiserem mais informações a respeito dos TPUs, devem comparecer à subprefeitura, localizada na Rua Taquari, 549, de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas. Mais informações no telefone 2292-2122.

Deixe um comentário

*