Varejo

As vendas do comércio varejista brasileiro seguiram em queda. Em março, na comparação com fevereiro, o indicador recuou 0,9%, segundo dados divulgados na quinta-feira, dia 14 de maio, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Essa é a maior queda para o mês de março desde 2003, quando registrou retração de 2,4%. Frente ao mesmo mês de 2014, o varejo teve queda de 0,4%. “No caso desse mensal, (o resultado) é mais a conjuntura. Quando você olha o resultado de 0,4% (na comparação com o mesmo mês do ano anterior), ele sobrevive por causa do calendário. Março de 2015 teve três dias úteis a mais do que 2014”, explicou Juliana Vasconcellos, gerente de serviços e comércio do IBGE.

Deixe um comentário

*