TATUAPÉ E CARRÃO – Abandono de carros na rua

TATUAPÉ E CARRÃO – Abandono de carros na rua

O proprietário do veículo Volkswagem, modelo Saveiro, cor verde, abandonou o mesmo na Rua Eunice Weaver, em frente ao número 309, esquina com a Rua Coronel Irineu de Castro, no Jardim Anália Franco, há pelo menos um ano. O carro não possui mais o gradil que protegia o radiador e os faróis dianteiros.

Os pneus estão murchos e a lataria está toda comprometida pela ferrugem. De acordo com vizinhos, as pessoas jogam lixo na caçamba e há o risco do carro se transformar em um criadouro do mosquito da dengue. O descaso está mais do que comprovado pelo fato do veículo ter sido envolvido pelo mato. Porém, o dono ainda não se mobilizou em retirá-lo.

Na Rua Dentista Barreto, 1.079, Carrão, uma carcaça foi deixada ao relento. Como boa parte do veículo foi desmanchada, está mais difícil saber qual é o modelo. Apesar do carro estar apoiado em equipamentos de oficina mecânica, como macaco e cavalete, moradores do entorno reclamam que o bairro fica degradado. Para eles, o responsável deveria encontrar uma maneira de deixar o local limpo. Principalmente porque os vizinhos que querem vender suas casas vêm os possíveis compradores indo embora ao se depararem com uma imagem desagradável na rua.

Risco de acolher drogados”

O mesmo acontece na Rua Francisco Marengo, 2.071, ao lado de uma unidade de engenharia da CET. O carro, que aparenta ser um Fiat Uno, prata, está com a frente totalmente destruída. O tempo de abondono está caracterizado tanto na sujeira impregnada em volta do veículo, como nos pontos de ferrugem existentes na lataria. Com o tipo de colisão, as rodas ficaram retorcidas e as portas da frente estão abertas. Como também não há vidros, fica fácil alguém querer dormir no automóvel ou usá-lo para guardar objetos. À noite o perigo aumenta, pois abre-se o precedente do veículo ser utilizado para o uso de drogas ou outros atos ilícitos.

Deixe um comentário

*