São Paulo, 3 a 9 de fevereiro de 1980 Ano V – nº 249

IMPLANTAÇÃO DO ÔNIBUS CULTURAL
O secretário municipal de Cultura, Mário Chamie informou que é pensamento da Prefeitura, a médio prazo, criar uma linha de ônibus especial circulando um roteiro cultural, com saídas de 15 em 15 minutos do Pátio do Colégio. Afirmou que os estudos para a implantação definitiva do ônibus cultural serão acelerados, destacando pontos importantes, como tarifa acessível à população, monitores para receber os visitantes, confecção e distribuição de folhetos ilustrativos e a inclusão de novas atrações, entre elas a Casa do Tatuapé e a Capela de São Miguel. A linha circulará aos domingos e feriados.

GOVERNO PROMETE VERBA PARA METRÔ
Na semana passada, no Rio de Janeiro, o ministro Eliseu Resende, dos Transportes, desmentiu notícias sobre corte de verbas para a construção dos metrôs do Rio e de São Paulo, afirmando que o governo federal pretende destinar entre 16 e 17 bilhões de cruzeiros a cada uma das obras. De acordo com o ministro, as redes básicas dos dois metrôs deverão estar concluídas em três anos. A programação de verbas será decidida na reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico desta semana. O ministro acrescentou ainda que novos recursos serão dados ‘a fundo perdido’, para não endividar as companhias.

MAIS SALAS DE AULA PARA O MOBRAL
Salas de aula de mais 11 escolas municipais de 1º grau, existentes em bairros da Zona Norte, mais de 23 na Zona Sul, 12 na Zona Leste, 22 na Zona Sudoeste e outras 17 na região Oeste, serão utilizadas para cursos do Mobral, no período noturno. A autorização, expedida pelo secretário municipal de Educação, Jair de Moraes Neves, veio atender a solicitação da Coordenadoria do Bem Estar Social do Município – Cobes. Desde a criação até 1979, o Mobral Municipal aprovou mais de 103 mil alunos nos cursos de Alfabetização Funcional e mais de 155 mil nos de Educação Integrada.

MINHOCÃO DO TAMANDUATEÍ
O prefeito Reynaldo de Barros desmentiu na semana passada, que a Prefeitura vai construir um elevado ou um novo ‘minhocão’ sobre o canal do Rio Tamanduateí, com características de via expressa, ligando o Ipiranga à Marginal do Tietê. De acordo com o prefeito, o que se pretende é desenvolver os estudos para a elaboração de um projeto que viabilize a implantação de uma via com seis faixas de tráfego, sobre o tampo que cobrirá o canal do Tamanduateí, desde a Rua Teresa Cristina, no Ipiranga, até a Marginal. Reynaldo salientou que a Emurb está estudando que tipo de projeto atenderá melhor os interesses da cidade.

MAIS ATERROS SANITÁRIOS
A prefeitura vai contratar a implantação de cinco aterros sanitários, por um período de quatro anos e meio, em substituição ao contrato que expirou no inicio deste mês. Os serviços serão contratados pela Secretaria de Serviços e Obras, por meio de concorrência pública. De acordo com o Departamento de Limpeza Urbana, este ano, os aterros sanitários deverão receber cerca de 7 mil toneladas de lixo por dia. Atualmente, a Prefeitura executa os aterros sanitários de Vila Albertina, Santo Amaro, Rodovia dos Bandeirantes e Sapopemba. Nos próximos dias serão iniciadas obras em São Miguel Paulista.

PEQUENAS REFORMAS E CONSTRUÇÃO DE ABRIGOS
As Administrações Regionais já estão autorizadas e aparelhadas a conceder reformas com acréscimo de área de até 30 m², e construção de abrigos para autos com medida máxima de até 3 metros de largura por seis metros de comprimento, sem necessidade de aprovação do projeto. Essa informação foi dada por Gaetano Landi Filho, diretor do Departamento de Planejamento das Secretarias das Administrações Regionais – SARs – que disse ser essa mais uma das providências que o titular das SARs, Francisco Nieto Martin, vem adotando no sentido de desburocratizar os serviços de sua pasta.

Deixe um comentário

*