Manifestações

A Justiça multou o Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (Apeoesp) em R$ 300 mil por desrespeito a uma liminar que proibia bloqueios parciais ou totais de rodovias paulistas durante protestos da categoria. A decisão é de segunda-feira, dia 18 de maio, mas a diretoria da Apeoesp informou que vai recorrer. Na ação protocolada pelo Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de São Paulo (DER), a Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) e o governo de São Paulo, foram anexadas fotos que mostram interdições das rodovias Régis Bittencourt, em Taboão da Serra, Anchieta, na altura de Santos, e Hélio Smidt, em Guarulhos, nos dias 7, 13 e 14 de maio, respectivamente.

Deixe um comentário

*