Isso é permitido?

Isso é permitido?

Na semana passada, a reportagem deste semanário presenciou uma cena questionável. Funcionários, não se sabe ao certo se da Prefeitura ou da AES Eletropaulo, realizaram a poda da seringueira que fica dentro de um terreno particular mas que seus galhos chegam a ultrapassar a rede elétrica. Até aí, tudo bem. Entretanto, ao realizarem o serviço na segunda-feira, dia 1º de agosto, todos os galhos cortados permaneceram no calçamento (foto) tanto da Rua Joaquim Pinto quanto da Rua Cantagalo, até quinta-feira à noite.

Os pedestres que passaram pelo local neste período tiveram que se arriscar no meio-fio, pois o passeio estava totalmente bloqueado em sua esquina. A pergunta é: a equipe que realizou o serviço não teria que ter retirado os galhos no mesmo dia em que eles foram cortados?

Deixe um comentário

*