Envelhecer com saúde

Sr. redator:
“O cuidado está presente em todos os seres, ao observarmos a natureza podemos perceber. Em relação ao ser humano, o cuidado é mais do que o cumprimento de uma atividade, é uma atitude que envolve desde a atenção com a relação que estabeleço com o outro até a forma como organizo e preparo o ambiente em que vivo.

Ao pensar o cuidado oferecido ao idoso, que pelo Estatuto do Idoso é considerado aquele que tem idade acima de 60 anos, deve-se considerar o envelhecimento como um processo natural que promove transformações, as quais necessitam de adaptação e modificação do comportamento, buscando-se priorizar ações de promoção de saúde, buscando, principalmente, cuidar das emoções, sentimentos que farão repercutir no corpo os desequilíbrios, podendo gerar adoecimento.

O envelhecimento saudável envolve uma atitude de responsabilidade e comprometimento para consigo e busca pelas alternativas que favoreçam ao bem-estar. Aprender a cuidar de si mesmo é condição para poder cuidar dos outros. A realização de exercícios de meditação, a reflexão de como tem resolvido suas próprias questões, de que forma tem vivido e se é a sua melhor forma, são questões que ajudam a encontrar o próprio caminho e viver com equilíbrio.

A depressão no idoso pode ser percebida pela mudança comportamental que apresenta, através da alteração de humor, vontade de ficar sozinho e tristeza permanente. Pode também apresentar ansiedade, com dificuldade para terminar as coisas que começa, não conseguir manter a conversação por muito tempo, olhar vago, perda do apetite, afastamento das atividades que gosta de fazer e das pessoas que ama.”

Berta Sheila de Souza Ribeiro

Deixe um comentário

*