Empresa de Decoração Elayne Orosco não cumpre o contratado

Sr. redator:
“Na condição de consumidora, tenho a obrigação de publicar tal fato até mesmo para alertar possíveis clientes da empresa de Decoração Elayne Orosco.

Em início de dezembro de 2013, contratei um serviço da referida empresa  para reforma de meu apartamento. O serviço contratado foi: colocação de papel de parede e instalação de cortinas e persianas. Foi previsto a entrega até o Natal. Realizei pagamento à vista do contratado. Nem tudo foi entregue no prazo, além do que, tudo com defeitos que estão a ser resolvidos até hoje. Uma das persianas foi entregue e instalada em um tamanho maior, no qual fica inutilizado seu uso, a cortina não corre nos trilhos, por um defeito no mesmo, também ficando inutilizada. Faltou a entrega das presilhas das cortinas. Uma área bem visível do papel de parede está descolando.

Então entrei em contato com a decoradora, que me prometeu a correção dos problemas até meados de janeiro de 2014. Após várias promessas de resolução do problema, foi adiado para entrega logo após o Carnaval. Pois já se passaram 3 meses e nada foi resolvido, fora que, por várias vezes ela marcou uma data para vir os prestadores e simplesmente eles não apareceram e ainda nem sequer recebi um telefonema avisando.

Sinto-me lesada, enganada e sem esperança de ter o serviço entregue. Por isso procurei um meio de comunicação para expor minha indignação e alertar próximas vítimas dessa empresa da decoradora Elayne Orosco, localizada na Rua Padre Estevão Pernet, 160, Tatuapé.”

Adriana de Souza Fernandes

———————————————————————

Decoradora responde
Sr. redator:
“Venho através desta relatar que todos os itens solicitados pela cliente Adriana de Souza Fernandes foram entregues no prazo solicitado conforme o combinado.

Referente a persiana realmente foi entregue maior e imediatamente cortada no tamanho solicitado pela cliente, mas ela achou que continuava grande e não aceitou que fosse cortada novamente, querendo assim que fosse feita outra e, neste caso fiquei na dependência da revendedora Luxaflex.

Quanto ao papel de parede que foi instalado assim que a cliente solicitou a manutenção foi atendida imediatamente.

Tratando-se da cortina a cliente não solicitou presilha alguma no ato da compra. E como foi explicado: as mesmas cortinas devem correr do meio para as laterais e por conta da dimensão do vão houve a necessidade de fazer emenda centralizada para que a cortina abra para ambos os lados, o que foi aceito por Adriana de Souza Fernandes no momento da instalação. Mesmo assim consegui fazer, sob encomenda, em medida especial para evitar esse tipo de contratempo, pois não é de praxe a empresa de trilhos para cortinas parar a produção para confeccionar ‘um único trilho’ em medida especial, já que o vão existente no local é maior que o convencional.

Como decoradora, não tenho como e nem posso responsabilizar-me pelo mau uso do meu serviço prestado.”

Elayne Orosco

Deixe um comentário

*