China

Crescentes preocupações com a economia chinesa derrubaram na sexta-feira, 21, os mercados internacionais. Índices como o S&P 500, em Wall Street, e o FTSEurofirst 300, na Europa, registraram a maior queda diária desde 2011. Dados sobre a China mostraram que seu setor industrial encolheu ao seu ritmo mais rápido desde o ápice da crise financeira de 2009, exacerbando preocupações com a saúde da economia chinesa e dúvidas se o governo tomará novas medidas para conter a desaceleração.

Deixe um comentário

*