CERET – Mato alto é problema crônico

CERET – Mato alto é problema crônico

O Centro Esportivo, Recreativo e Educativo do Trabalhador (Ceret) precisará de mais investimentos e fiscalização para se tornar um polo completo e diversificado de prática esportiva e de lazer. Pelo que pôde ser registrado pela reportagem desta Gazeta, na última segunda-feira, 19, os problemas relacionados à falta de poda do mato são crônicos.

CAMPOS
E, mais uma vez, nota-se que as áreas próximas à entrada principal do clube são mais privilegiadas se comparadas às existentes junto das quadras de tênis de cimento, campo de futebol e rugby, e da pista de atletismo.

O capim está alto em toda a volta, na parte interna das quadras, em arquibancadas e no passeio que divide as quadras. Em um dos caminhos há um buraco no piso cujo alerta é um pedaço de madeira. Durante a visita deste semanário, a entrada da pista de atletismo estava fechada com cadeado, mas não havia nenhum comunicado explicando a causa.

Piso ao lado da pista de atletismo tem buraco sinalizado com pedaço de madeira

Piso ao lado da pista de atletismo tem buraco sinalizado com pedaço de madeira

Quadras de tênis de cimento precisam de manutenção de limpeza e repintura

Quadras de tênis de cimento precisam de manutenção de limpeza e repintura

Acesso à pista de atletismo estava fechado, mas não havia comunicado do motivo

Acesso à pista de atletismo estava fechado, mas não havia comunicado do motivo

Com relação à pintura, tanto as quadras de tênis quanto às de futebol de salão e basquete precisam de uma total revitalização. Neste caso, são anos com o mesmo problema, após várias reivindicações de moradores, mas ainda sem solução.

DIRETOR
Para o diretor do Ceret, Mohamed M. Mourad, muitas melhorias foram feitas no local, nas áreas de iluminação, espaço pet, equipamentos, playground, entre outras, inclusive publicadas por esta Gazeta. Sobre a questão do mato, há cerca de 15 dias Mourad divulgou que o local terá uma equipe de poda “full time”, mas o processo de contratação ainda não foi concluído. Segundo ele, com esta ação espera-se que a manutenção seja regular e não mais dependa de todo o processo burocrático.

EVENTOS
De acordo com a moradora Patrícia de Souza, a pista de atletismo poderia ser melhor utilizada, inclusive por atletas de ponta que chamariam a atenção de crianças. “Jogadores de basquete de grandes clubes também poderiam ser convidados para jogos de exibição, assim como os de vôlei. Vemos que neste último esporte há um grupo da terceira idade consolidado, mas ainda é pouco”, reclamou.

Deixe um comentário

*