Buracos: nem a calçada escapa

Buracos: nem a calçada escapa

Na semana passada, a reportagem da Gazeta do Tatuapé recebeu ligações sobre a falta de acessibilidade na entrada da estação Carrão do Metrô, pela Rua Monte Serrat. A equipe se deslocou até o endereço e constatou a formação de vários buracos no caminho dos pedestres, na parte do piso que é formada por pedras pequenas.

O buraco maior, que inclusive já foi denunciado a funcionários do Metrô, continua a crescer e toma praticamente todo o calçamento. Pior ainda para quem faz uso de cadeira de rodas, bengala, para as pessoas idosas ou com deficiênia visual, que muitas vezes não têm muita alternativa para desviar. Quando há várias pessoas passando ao mesmo tempo pelo mesmo lugar, o que é muito comum principalmente nos horários de pico, vale até dar uma passada mais larga.

Quanto ao asfalto, desta vez a reportagem traz a Rua Irmãos Leme para mais uma publicação sobre o assunto. Junto à Rua Francisco Marengo, no Tatuapé, bem na faixa de pedestres, um buraco começou a se formar há cerca de dois meses, bem ao lado de uma galeria de esgoto. Até o fechamento desta edição, na sexta-feira, dia 8, nenhuma providência para fechá-lo havia sido tomada pela Prefeitura Regional Mooca.

Buraco na Rua Irmãos Leme

Buraco na Rua Irmãos Leme

Deixe um comentário

*