Armênia

Líderes mundiais fizeram na sexta-feira, dia 24 de abril, um minuto de silêncio em Yerevan em memória das vítimas do episódio conhecido como genocídio armênio, massacres ocorridos a partir de 1915 que deixaram cerca de 1,5 milhão de mortos. O presidente armênio, Serge Sargsián, agradeceu a presença dos líderes mundiais, entre eles os presidentes francês, François Hollande, e russo, Vladimir Putin, que deixaram flores no local. “Agradeço os que estão aqui para confirmar mais uma vez seu compromisso com os valores humanos, para dizer que nada foi esquecido, que depois de 100 anos nos lembramos”, disse Sargsián, também na presença dos presidentes do Chipre, Nicos Anastasiades, e da Sérvia, Tomislav Nikolic.

Deixe um comentário

*