A exploração da mulher

A exploração da mulher

Mesclando referências da literatura de Hilda Hist e Simone de Beauvoir, da pintura de Frida Kahlo, da dança de Lia Rodrigues e até do cinema de David Lynch, o espetáculo de teatro-dança “Ser Outra” está em cartaz no Ateliê das Meninas. Com atuação e direção de Ana Paula Lopez e Paty Jaia, a montagem explora a questão do corpo feminino como objeto em diversas culturas. Pesquisas de campo em delegacias da mulher e em grupos de ajuda a mulheres vítimas de violência física e psicológica foram utilizadas para dar mais vivacidade ao processo de imersão que durou três anos.

Na trama, uma lâmpada acende no sótão do inconsciente de uma mulher e ilumina seus móveis antigos, suas memórias, loucuras e incertezas. O encontro entre uma cadeira, uma mulher e seu avesso resulta em uma interface entre o teatro, a dança, a poesia e a performance. Trata-se de uma reflexão crítica sobre a violência e a midiatização do corpo feminino. A peça faz curta temporada e as apresentações ocorrem nos dias 7 e 13 de dezembro, às 20h30. Ingressos: R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia). Local: Rua Motuca, 35 – Aclimação.

Deixe um comentário

*